Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Uma coisa que me tira (literalmente) o sono

06.02.17 | Vera Dias Pinheiro
O desfralde do Vicente aconteceu de forma progressiva, sendo que o diurno foi muito mais rápido e mais fácil do que o nocturno. Mas, depois de assimilado, estava tudo a correr bem até...

desfralde + descuidos nocturnos + xixi na cama


Sempre ouvi dizer que no Inverno, é muito natural que as crianças voltem a ter alguns descuidos nocturnos, pois fica mais difícil conter o xixi. Mas trata-se apenas de (mais uma) fase e, como em todas as outras, é preciso paciência. Já estivemos na consulta de rotina e o pediatra voltou a confirmar-me tudo isso. Regressei a casa serena e a pensar que o melhor a fazer é ter paciência e não dar muita importância. 
No entanto, não sei se isto só acontece aos rapazes, acredito que pela sua anatomia, possa ser assim: um miúdo quando faz xixi na cama parece que tomou banho de chuveiro tal é o estrago que fica à sua volta. E, por aqui, tem havido descuidos sistemáticos, é praticamente todas as noites. E, por isso, gostava de saber a vossa experiência e se confirmam que lá para a primavera as coisas voltam ao normal. 

Com as noites frias, e depois de ter percebido que não se tratava apenas de algumas vezes sem exemplo, tentei arranjar formas de nos aliviar a todos e, sobretudo, sem voltar a ter que falar no assunto fralda, porque sei que isso irá mexer com a sua auto-estima, especialmente numa fase em que ele afirma com tanta convicção que é crescido.

Sendo assim, aquilo que tenho feito é:
- revestir o colchão (dele e o meu), com um plástico, porque inevitavelmente ele acaba por ter que passar para a minha cama se não vou a tempo de o pôr a fazer xixi;
- ponho o Vicente a fazer xixi durante a noite, várias vezes;
- "proibi" que beba água a partir do fim da tarde.

No entanto, não é que isto esteja a resultar muito, mas evito ao máximo que ele se sinta melindrado com tudo isto, porque sei que fica triste, por vezes, envergonhado. E todos os dias a lavar roupa de cama, almofadas e edredão, inclusivamente, já dá para perceber que esta casa anda numa roda viva.

Mães queridas do meu coração, o que me dizem sobre isto? 
Também sentiram que os vossos filhos regridem nesta altura do ano? 
Passa com a mudança de estação? Truques e dicas?

Obrigada.
Boa noite ❤