Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Um sábado timido

07.12.13 | Vera Dias Pinheiro
Sábado frio e chuvoso que, ainda nos deixou na dúvida quanto ao que fazer. O frio ainda se tolera, a chuva já complica mais as coisas, porém, quando estão os dois juntos, aí confesso que, ficamos com a moral em baixo. 
Mas ainda assim, prefiro uma cidade como Bruxelas, em que não existe um centro comercial ao virar de cada esquina e em que, em dias como o de hoje, somos facilmente empurrados para lá. Talvez, centro comercial, tal como o concebem na vossa ideia, só haja um e, sinceramente, nem me lembro que ele existe, a não ser pelo facto de ficar ao lado de um meus locais de eleição, o Cook and Book.
Mesmo com toda a logística de: "põe casaco", "tira casaco", "tira a capa da chuva do carrinho", "volta a pôr", não esquecer as luvas e os gorros e ter atenção às diferenças de temperaturas... etc... etc... é tão bom passear ao ar livre!!! E para quem mora numa zona com bastante movimento, quer de comércio, quer de pessoas, como nós, nem sequer temos que pensar em usar o carro. É dessa liberdade de movimento que eu preciso para me sentir bem, onde quer que viva. E isto era algo, do qual eu já desconfiava, mas que, aqui, acabei por ter a certeza. 
E para além disso, como depois de se ter um filho, a logística para sair de casa é tão complicada e demorada, por vezes, que se tudo o resto o mais simples e prático possível, melhor! 

Para almoçar escolhemos um restaurante, que fica as poucos metros de nossa casa, e é um dos melhores em termos de qualidade da comida. O Les Brassins diz, de si mesmo que, é um restaurante de cozinha belga e simpático. Eu confirmo as duas coisas! Vale a pena, apesar da rua onde se situa estar em obras infinitas, vale a pena conhecer o espaço acolhedor e ser recebido por pessoas simpáticas e, claro, desfrutar de uma boa refeição. Para mim, moules marinières (que eu adooorrrooooooooo) e carbonnade, escolha do senhor meu marido. 
Só depois deste almoço, "caloricamente" saboroso, é que descemos até à Avenue Louise e nos misturamos, pelo meio das pessoas, que já correm de um lado para o outro, com sacos cheios de presentes. Já se pode ver a decoração das lojas, umas mais arrojadas que outras, a decoração das próprias ruas, o cheiro (não das castanhas, mas das gouffres), as músicas... Quando se fala de espirito natalício, é também falar disto, desta mistura de vários elementos que tornam o ambiente tão próprio, tão feliz e, apesar do frio, tão quente. 



Les Brassins, 
36 Rue Keyenveld - 1050 Bruxelles (Ixelles)