Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Tenho um problema com a minha cozinha!

11.02.17 | Vera Dias Pinheiro
feng shui + cozinha + decoração + kitchen design
Inspiração via Pinterest - What else? ?

Nos dias que amanhecem frios e em que não somos obrigados a sair casa (à pressa) como o de hoje - ainda que acordar demasiado cedo seja uma condição permanente aqui por estes lados - sabe bem conseguir relaxar e perder uns minutos a mais de pijama vestido sem ter logo um plano traçado que nos obrigue novamente a acelerar o ritmo. É preciso aprender a desligar! 
E quanto mais confortável e agradável for a nossa casa, mais desfrutamos do tempo que lá passamos. Não concordam? Mas também é verdade que passamos a ficar mais atentos aos pormenores e aquilo que precisamos para nos sentirmos confortáveis. Reparar, por exemplo, se o nosso sofá é realmente confortável; passamos a ter uma maior preocupação em ter na dispensa tudo aquilo que precisamos para preparar um lanche agradável ou até um almoço diferente sem ter sair, só porque é fim-de-semana é nos apetece algo de diferente; e vamos notar com mais facilidade se nos falta alguma coisa ou, então, se o que temos, nos transmite a energia necessária para nos sentirmos bem. 

E, às vezes, é preciso renovar! Eu tenho sentido muito essa necessidade a partir do momento em que comecei a passar mais tempo em casa, sendo igualmente, em casa, que para além de tudo o resto, trabalho. Confesso que, nesta parte, ainda não consegui criar o ambiente de inspiração que necessito e ando um pouco a saltitar de um lado para o outro. Porém, há uma divisão em especial, na qual eu tenho alguma dificuldade em estar conectada e que, por ironia, é daquelas onde passo mais tempo: a cozinha! Foi sempre a divisão da qual eu menos gostei e sei dizer-vos o porquê: eu sinto-me muito melhor em ambientes mais brancos, mais "clean", que transmitem uma sensação de haver mais espaço. Ora, a nossa cozinha tem os armários em madeira castanha e o chão em mosaico castanho, o que lhe retira logo alguma da sua potencial luz natural. E, dois anos depois, eu ainda continuo a fazer pequenas alterações à procura do ambiente ideal. Não podendo alterar aquilo que realmente me incomoda, acabo por apostar nos complementos e na decoração, se assim podermos dizer, e que também está à vista: frascos, tabuleiros, loiça, têxteis... enfim, todos os detalhes que podem ser alterados com facilidade. 

Não sei se vocês ligam a estas coisas, mas eu acredito que as divisões da nossa casa falam e que é preciso mudar/renovar para que as energias fluam de uma forma que nos façam sentir bem no tempo que lá passamos. 

Seleccionem cada uma das imagens a abaixo para mais detalhes. São artigos, todos eles, escolhidos do mesmo site: La Redoute! Curioso, não? Mas, de facto, têm coisas cada vez mais giras no que toca à casa, fazendo concorrência a muitas das lojas da especialidade - digo, eu!





Se tiverem ideias que ajudem a dar a volta a esta questão, partilhem! Serão muito bem-vindas.

Bom Sábado ❤