Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Dão-se bem ou são irmãos? | As primeiras brigas

16.07.18 | Vera Dias Pinheiro | comentar
Bom… o melhor é falar das coisas como elas são, não é verdade? Pois, embora seja muito bonito dizer que os irmãos se adoram, que não vivem um sem o outro, que se completam e que entendem a linguagem um do outro, muito melhor do que os pais, por vezes, isto não (...)

Esta semana saiu-lhes a sorte grande!

28.02.18 | Vera Dias Pinheiro | comentar
Às vezes, sinto que eles, irmãos, podem não ter tempo suficiente um com o outro para se conhecerem a fundo, para estarem sem se contar o tempo até à próxima rotina. E tenho a impressão que é a Laura, especialmente, que fica sempre com um sentimento de saber a pouco. (...)

Como lidar com os ciúmes "escondidos"?

30.10.17 | Vera Dias Pinheiro | comentar
Mesmo quando achamos que temos tudo controlado e que sabemos exactamente o que se está a passar à nossa volta, não podemos subestimar os detalhes. O Vicente foi uma criança que sempre reagiu bem à chegada da irmã, nunca o vi com reacções do género de dizer que era (...)

Vicente, o menino que ele é verdadeiramente

20.09.17 | Vera Dias Pinheiro | comentar
Falo tantas vezes das birras do Vicente, da sua teimosia, de como acorda demasiado cedo todos os dias, de como absorve todos os segundos dos nossos dias com perguntas e chamadas de atenção constantes e ainda sobre a forma como tudo o que fazemos dá a sensação de não (...)

Irmãos: TOP 8 das frases mais ditas pelo Vicente

31.07.17 | Vera Dias Pinheiro | comentar
"A Laura não pára de me seguir" "Tu (Laura) não podes os meus brinquedos" "Oh pah! Sai daqui" "Não mexes em nada! Tu tens os teus brinquedos" "Oh mãe, a Laura está-me a magoar" "Mãeeeeeee, a Laura não me deixa em paz!" "Mãe, a Laura está a apertar" "Pára (...)

A (nossa) rotina mais dificil com dois filhos

27.07.17 | Vera Dias Pinheiro | comentar
Tem sido tudo fantástico e maravilhoso - dentro do caos que é - excepto quando chega a hora de os pôr a dormir. A Laura com o seu refinado gosto por dormir pouco e por ser muito pouco disciplinada com rotinas, contrasta com o Vicente com quem sempre funcionaram muito (...)