Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Rotina de cabelo: Todos os Produtos que estou a usar no momento!

09.08.19 | Vera Dias Pinheiro

rotina de cuidados capilares

 

A saúde e os cuidados mais saudáveis que tento trazer para a minha vida abrangem todos os campos ou, pelo menos, eu tento que assim seja. Ao longo da minha adolescência tive tempo para fazer todas as maluqueiras ao meu cabelo, ter cuidados mínimos e, como é próprio daquela fase da vida, achar que está tudo bem e que não acontecerá nada de mal. Hoje estou noutra fase completamente oposta e, por isso, fico sempre muito aborrecida quando tenho algum azar no cabelo por vontade única e exclusivamente do cabeleiro.

Cometo o erro básico de achar que as pessoas quando têm uma determinada profissão são eles os experts do assunto e que têm conhecimentos para fazer o melhor, de acordo com cada pessoa e situação, não é o caso e o assunto cabeleireiros daria pano para mangas. Estou certa? Não serei caso único.

 

Actualmente, relativamente ao corte de cabelo, a única coisa que eu quero é um corte recto normal e tradicional, sem recurso a técnicas XPTO. Recuso! A cor, bom, eu já tenho alguns brancos que estão a determinar uma visita mais regular ao cabeleireiro. Mas, em Lisboa, confio plenamente na Joana – pode ver o trabalho dela no seu perfil de Instagram. Os meus brancos ainda aguentam bem o gloss nas raízes e no restante do cabelo gosto do tom mais claro e com técnicas que permitam ficar seis meses ou um ano sem lhe mexer.

 

Entretanto, estava eu em Santarém e sem alternativas e achei que não havia perigo em fazer um gloss por lá e imaginem vocês… correu mal! E hoje já começo a ter dúvidas se por ventura não terá sido pintado. Enfim! O cabelo fico todo de uma cor, um castanho mais escuro e, embora eu não adore, é só cabelo. No entanto, olhei para ele com mais atenção e parece-me queimado e não seria suposto, pois tinha dado (uns dias antes) um corte de 3 dedos e o cabelo estava óptimo. Enfim!

Ponto de situação: esperar mais algumas semanas para ver se a cor abre e recomeçar o cronograma capilar mais uma vez até poder voltar a mexer na cor.

 

Quando a hábitos diários, aqueles que eu controlo – ah ah ah – o fundamental para mim foi ter aprendido a conhecer o meu cabelo e as suas necessidades e, consequentemente, aprender a usar os produtos certos.

 

Neste sentido:

- Para as raízes: escolho shampoos para couro de cabelo sensível e para lavagens frequentes. Numa rotina normal, eu vou ao ginásio 4 a 5 vezes por semana e, sim, lavo o cabelo todos os dias se transpirar muito.

- Para as pontas: condicionadores e máscara mais hidrantes, nutritivas ou reconstrutiva. Normalmente, tenho estes 3 tipos de máscaras em casa e vou alternando.

Se tiverem dúvidas quanto ao tipo de produtos que devem escolher, lembrem-se que o shampoo se usa da raiz até ao meio e o condicionador e máscaras do meio para o fim. Portanto, é só uma questão de analisarem o estado do vosso cabelo.

 

Os meus produtos no momento:

SHAMPOO

Uso sempre dois diferentes. Um mais low cost e outro de uma marca mais profissional.

  1. Micelar da Nivea um produto de supermercado, de preço bastante em conta e me deixou muito satisfeita desde as primeiras utilizações. Foi uma oferta que acabou por entrar na minha lista de compras – ainda assim, é um shampoo que leva muito tempo a acabar a embalagem.
  2. Sensi Balance L’Oreal que veio substituir o Shampoo Marin Équilibrant, SVR.

 

CONDICIONADOR

Moisture Plus, Milk_Shake: é uma estreia, é a primeira que estou a usar um produto de cabelo desta marca. Contudo, e como esta gama em particular é indicada para cabelo secos, estou a usar apenas o condicionar. O que eu noto: cabelo realmente macio e nem sinto necessidade de fazer máscara, para além do cheirinho que deixa.

  • Sobre a marca:

Trata-se de marca profissional de salão que oferece uma variedade de cuidados capilares adaptados aos vários tipos de cabelos. Todos estes cuidados contêm os benefícios do leite e das frutas, nutrindo os cabelos intensamente, e revelando o seu brilho natural.

lavar cabelo todos os dias

lavar cabelo todos os dias

 

PROTECTORES TÉRMICOS DE CABELO:

  1. Revlon Profissional Uniq One é um produto icónico, as opiniões são praticamente unânimes sobre a qualidade do mesmo e serei eu a dizer o contrário. É, de facto, muito bom. Para além de cuidar, tratar, proteger e controlar, repara os fios ressecados e danificados.
  2. SJR Fondant Magic: uma estreia também, é uma marca inglesa, já comprei em Bruxelas, e o facto de ser à base de Keratina funciona também um pouco como tratamento, ideal para cabelos com coloração e danificados. Eu sinto como se tivesse acabado de fazer uma máscara. Contudo, não é o tipo de produto para usar todos os dias, pois sinto que o deixa mais pesado.
  3. KIEHL´S Damage Repairing & Rehydrating Leave-in Treatment: comprei em SOS no aeroporto e é excelente para recurso, pelo formato pequeno guardo para as viagens.

protectores de calor para cabelo

 

FINALIZANTES:

  1. Hair Groom&Style, Douglas: foi uma óptima surpresa da marca. Hidrata sem deixar as pontas de cabelo pesadas ou “gordurentas”, percebem?
  2. Keratin Smoothing Shine Hair Oil, HASK: é um óleo mais consistente que uso quando quero uma maior hidratação, ainda assim, confortável, deixando o cabelo solto.

serum de pontas para cabelo

 

Não menos importante que os produtos, é o tipo de aparelhos que usamos. Há uns meses atrás, fiz um investimento para comprar um secador de cabelo profissional, a marca foi sugestão vossa (PARLUX - informações aqui - e comprei na loja física da Pluricosmética), e estou a dar-me super bem. E o mesmo acontece com a Steampod (comprei aqui). Não tenho nenhum arrependimento nem com um nem com o outro. A Steampod vale cada cêntimo, o cabelo fica suave, brilhante e sem aparência queimada ou sequer cheiro de prancha. A única coisa que lamento é o facto de não ser pratica para levar nas viagens e, nessas alturas, ter que recorrer à tradicional., mas com um peso na consciência enorme por sentir que estou a estragar o cabelo.

secador de cabelo parlux pluricosmética

 

steampod l'oreal lookfantastic

 

Eu tento fazer a minha parte, agora só espero que as cabeleireiras façam igualmente o que lhes compete sem arruinar o cabelo mesmo nos pedidos mais simples.

 

Para quem não acompanhou a história do meu cabelo, deixo-vos o link para vos contextualizar:

O meu cabelo: Como evitei um corte radical