Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Pais & Filhos | Clínica Amamentos

11.09.15 | Vera Dias Pinheiro
Hoje tive a oportunidade de visitar e conhecer a Clínica Amamentos, em Telheiras (Lisboa). Trata-se de um espaço totalmente concebido a pensar na grávida e na recém mamã. Como próprio nome indica, o foco principal é promover que um número cada vez maior de mães valorize, pratique e desfrute da amamentação, sendo, por isso, a 1ª Clínica de Amamentação de Lisboa

 

Duas das enfermeiras que constituem esta equipa já se cruzaram comigo, quando o Vicente nasceu. Faziam parte do gabinete de apoio à amamentação que existia no Hospital Lusíadas na altura, e que, com os poucos recursos que tinha, procurava dar apoio às mulheres que acabavam de ser mães. Por reconhecer a importância da ajuda que representaram para mim, fico muito feliz por saber que encontraram um local à altura para poderem, com todas as condições, ajudar mães que, como eu, passaram por dificuldades e inseguranças na altura da amamentação. Mas isto foi apenas uma feliz coincidência, pois o que me levou até ali foi conhecer pessoalmente a enfermeira Carmen Ferreira, que dentro de muito em breve, vai começar a colaborar com As viagens dos Vs, como já vos falei aqui. Através dela, pude conhecer em maior detalhe a filosofia deste espaço que "cheira a bebé", que nos transmite muita paz, para além do conforto com que cada divisão foi pensada.

 

No entanto, acima de tudo, aquilo que me fascinou e que, para mim, fez a diferença foi saber que ali não há ruído, não uma fila de mães à espera da sua vez para falar com uma enfermeira, ansiosa que chegue a sua vez para pesar o seu filho e ter a certeza que está a fazer tudo bem e que ele aumentou de peso. Ali, cada mãe é uma e apenas uma mãe, que fica o tempo que for preciso e que ela achar necessário para sair dali mais segura e mais confiante. 

Quando engravidei - e à medida que as semanas iam avançando - a rotina era sempre a mesma: os exames; as ecografias; as consultas; a ida às enfermeiras antes de cada consulta (que controlavam o nosso peso; faziam o "check list" dos principais tópicos de cada mês; davam conselhos - os mesmos que estavam nos folhetos que nos entregam - etc...). Depois, o Vicente nasceu e a mesma "industrialidade" acontecia. E, na minha cabeça, alguma coisa não fazia sentido, talvez porque comigo nada aconteceu como previsto ou como desejado, talvez porque eu realmente precisei de ajuda e foi difícil encontrar alguém que fosse para além do óbvio, para além de uma "check list". 



Há coisas que realmente só fazem sentido depois de acontecerem. O parto e a amamentação são exemplos disso: não há preparação possível, existem ideias que podemos ter, mas sempre com elevado grau de imprevisibilidade. A única certeza que nos é dada é a de que a natureza nos preparou a nós, mulheres, para parir e para amamentar. E vamos tão seguras disso que, quando o imprevisto acontece, ficamos sem chão e sem saber o que fazer, porque a única certeza que tínhamos, afinal, não era exactamente assim!

É por isso que espaços como este são tão importantes de existir. Porém, é importante que existam quando feitos a pensar na relação que é preciso estabelecer com a outra parte.  

















Clínica Amamentos
R. Professor Simões Raposo, nº 13 E
1600-660 Lisboa (Telheiras)