Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Os Vs | A viver o espírito do Natal

06.12.15 | Vera Dias Pinheiro
Eu adoro esta altura do ano, adoro ver o espírito que se vive, as ruas iluminadas, o frenesim das pessoas a preparar o grande dia, as compras à procura dos presentes de Natal, as músicas e, sobretudo, a alegria e a excitação das crianças por saberem que o Natal está para chegar e que, de certeza, vai haver muitas surpresas à espera delas na noite de consoada ou na manhã de natal.

As crianças precisam dessa magia e nós, adultos, precisamos viver - e, muitas vezes, criar - essa magia junto com elas. E as crianças são bem menos exigentes do que aquilo que nós pensamos. Por aqui, tentamos criar isso mesmo, tentamos aproveitar cada dia para fazer algo de diferente e que esta altura do ano fique sempre associada, na cabecinha do Vicente, a algo de diferente e especial, muito especial.


Estamos a 18 dias do Natal, e hoje foi o dia de assistir à peça de teatro infantil "Conto de Natal", num lugar mágico - a Quinta da Regaleira, em Sintra - em cena pela companhia de teatro Byfurcação. Esta peça conta a história do velho Ebenezer Scrooge que, além de detestar o Natal,  era uma pessoa muito egoísta, teimosa e que passava a vida a maltratar tudo e todos. Mas houve um dia em que algo muito sério aconteceu e que mudou tudo... Mas no final, o importante é que todos ficamos a saber um pouco mais sobre o que é o espírito de natal e de como é importante aprender a partilhar. 

Por isso, lembro que a quem quiser levar os seus filhos a ver esta peça de Teatro, pode - e deve - levar consigo, um brinquedo ou roupas que já não precisam porque no final da temporada, tudo o que for doado será entregue a duas instituições que apoiam crianças carenciadas.


O Vicente ficou todo contente quando entregou o seu saquinho com dois brinquedos que escolheu para dar a estas crianças. De facto, não existe forma melhor de incutir certos valores e princípios, do que fazê-lo de forma natural e espontânea. 


À tarde ainda houve tempo para visitar o Jardim da Estrela, o nosso jardim favorito em qualquer altura do ano. Este ano tem um mercado de natal, todas as sextas, sábados e domingos, até ao dia 20 de Dezembro, e ainda podemos encontrar o Pai Natal e falar com ele e tirar uma fotografia. E se no ano passado, esta figura representava algo um pouco assustador para o Vicente, a verdade é que este ano, este Pai Natal até teve direito a um beijinho e tudo e na foto já não se fizeram caretas nem houve choros. 



O Vicente estava feliz, muito feliz... Passou a tarde a andar de bicicleta e de escorrega e ainda nos disse que os meninos gostam de brincar no parque! Claro que gostam! As crianças precisam de rua, de correr e de saltar, de sentir um pouco de liberdade e porque não, serem elas, de vez em quando, a comandar o dia dos crescidos. Por aqui, hoje o dia foi todo do Vicente e eu fiquei de coração cheio ao ver a sua carinha de felicidade!

E por aqui vamos continuar de fim-de-semana grande e esperamos que os dias continuem assim: sem pressas, felizes e em família.



E por aí, como foi o vosso fim-de-semana?




2 comentários

Comentar post