Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Como aproveitar as festas e não perder o controlo na balança!

26.12.18 | Vera Dias Pinheiro

consoada

 

Acho que o fundamental, é não arranjar desculpas para estender os excessos alimentares para além do essencial, noite de consoada, dia de natal e passagem de ano, porque invariavelmente já se come mais. E com o tempo, acho que temos vindo a aperceber disso e a fazer um esforço para controlar as quantidades de comida que se preparam e que a própria quantidades que se come.

 

Ainda assim, duvido que, a maioria das pessoas, não tenha acordado hoje com várias sobras na cozinha e no frigorífico, o que, em certa medida, contribui para que os pequenos pecados se prolonguem mais uns dias (e, quando nos apercebemos, já estamos na virada do ano).

 

Para além disso, apercebo-me que, com o passar dos anos, e por mais que tente ter uma vida activa e equilibrada, o metabolismo também se altera, infelizmente, não a nosso favor. Por isso, há que mudar o chip e ter alguns cuidados para não pisar o traço, passando os próximos meses a corres atrás do prejuízo). Deste modo, se o tema vos interessar e quiser saber quais as minhas dicas para tornar esta fase o mais equilibrada possível, é continuar a ler este post.

 

 

  1. Reservar os excessos alimentares apenas para os momentos em que não os conseguimos evitar, nomeadamente a noite de consoada, o dia de natal e a festa de ano novo.
  2. Não usar esses momentos como pretexto para comer menos bem e abusar logo desde que acordam até irem dormir. Uma refeição é bem diferente de um dia inteiro – nem tão pouco, dias seguidos;
  3. Mesmo que sejam dias a meio gás ou em modo férias, esforcem-se por manter as rotinas ou manter-se activos. Por exemplo, se já costumam ir ao ginásio, não deixem de ir nestes dias. Aliás, aproveitem para despachar logo pela manhã. Se, pelo contrário, não frequentam o ginásio, os dias estão bastante agradáveis para que saiam para a rua, façam caminhas e aproveitem para levar as crianças com vocês;
  4. As sobras são inevitáveis, como tal, tenham o hábito de dividir as mesmas por todos os convidados. E o que ficar em vossa casa, evitem que se arraste por muitos dias seguidas;
  5. Nãs próprias refeições, é totalmente aceitável que se façam pequenas adaptações às receitas tradicionais, para que se tornarem as mais equilibradas e saudáveis possíveis. Ou, simplesmente, acrescentar legumes ou saladas como acompanhamento;
  6. Beber infusão de gengibre logo pela manhã. Há quem beba a água com limão, mas comigo, o gengibre resulta como um poderoso anti-inflamatório que ajuda no tratamento do inchaço;
  7. Por fim, e não menos importante, bebam água!!! Não se esqueçam que a ingestão de água é a melhor forma de libertar as toxinas (e os excessos) do nosso organismo.

 

 

E assim vos desejo uma continuação de boas festividades!