Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Colaborações | Enf Carmen Ferreira | O que levar na mala da maternidade?

24.11.15 | Vera Dias Pinheiro

“O que levar para a maternidade? A partir de quando organizar as coisas? Quantas malas levo?”

Fonte: Imagem do Google

Pelas 30 semanas de gestação deve começar a preparar a mala da maternidade,pois há bebés que gostam de fazer partidas e chegar mais cedo - assim, até podem aproveitar ossaldos para comprar o que realmente necessário. 

DICA: Convém o marido saber onde está a mala, Lady´s, na altura nós podemos nãoconseguir ir buscá-la (por inúmeras razoes, acreditem!) e dar indicações aos "maridões" não é fácil (até porque nós temos um condão de arrumar tudo tão bemque depois ninguém encontra, right?!)

Na verdade. e pela minha experiência, os pais acabam por levar imensa coisa na mala, esquecendo-se, no entanto, demateriais importantes para aquela estadia. Assim, fica aqui umapequena lista simples e muito útil para os futuros papás:

Mala da Mulher

O que a grávida não pode esquecer naentrada da Maternidade:

1- Boletim de grávida e exames recentes;
2- Kit de células estaminais;
3- Plano de parto;
4- Gelatina ou sumo de fruta sem polpa (para consumir durante o trabalho departo) – confirmar com o hospital que épossível levar/consumir conforme protocolo de anestesia durante o trabalho departo.

Para o pós-parto:
1- Produtos higiene com cheiro neutro (algunshospitais não têm disponíveis para dar às mães, por isso levem a vossa necessaire)– Optem por produtos sem cheiro para que ovosso bebé reconheça a mamã durante o momento pele a pele;
2- Creme reparador para os mamilos (à base de lanolina e que não sejanecessário retirar para o bebé mamar) ou óleo de cocô (altamente reparador ecom propriedades antifúngicas);
3- Chinelos (tipo havaianas) – os nossospés incham bastante no pós-parto;
4- Robe;
5- Duas a três camisas de dormir abertas à frente para amamentar;
6- Soutien de amamentação;
7- Almofada de amamentação;
8- Roupa para a saída – prática e que nãoseja apertada na zona abdominal;
9- Maquiagem – Para nos sentirmos bemdepois da primeira noite de descoberta do nosso bebé!

Tome nota:
- Não aconselhamos a levar anéis/pulseiras/brincos ou materiais de valor.
- Todas as maternidades têm pensos higiénicos e cuecas descartáveis, pode levar as suas pois aos do hospital têm um tamanho standard e pode não ser confortável para si!
- Não precisa de levar toalhas, ocupam muito espaço e todos os locais disponibilizam.

Mala do bebé

1- Três Mudas de roupa + três bodys interiores– no Verão de manga curta e no Inverno demanga comprida. Lavar primeiro e cortar as etiquetas! Podem até separar pordias e fechar em sacos;
2- Fralda de algodão (uma ou duas);
3- Gorro;
4- Lima de papel para limar as unhas – osbebés nascem com unhas compridas e arranham-se pelo que pode limar-separaminimizar os arranhões na face;
5- Uma manta (não polar!) – para tapar obebé;
6- Ovo – nenhum bebé pode sair dohospital sem ser transportado corretamente no ovo.  

Tome nota:
- Os produtos de higiene do bebé costumam ser facultados pelo Hospital, mas se fizer questão pode levar para o seu bebé os que pretende.
- As fraldas também são fornecidas durante a estadia, mas podem levar uma extra no caso da ida para casa acontecer um “acidente”.

Mala do Pai (sim, é importante pensar na mala do pai)

1- Muda de roupa e pijama (se acompanhar amulher no hospital) + necessaire; 
2- Máquina fotográfica – para registar omomento mágico;
3- Snacks e moedas para máquinas de café – umtrabalho de parto é longo e pode durar mais que 24 horas meus senhores;
4- Uma prenda para a mãe e para o irmão (caso seja segundo filhote) – optem por não oferecer flores podem ser umafonte alergénica para o bebé.  

Confirmem semprecom o local onde vão ter bebé, a lista que pedem para os casais levarem ecruzem com esta e com o que vocês tinham pensado.
Se na listagem que vos derem aparecer chuchas e/ou mamilos de silicone, é sinalque este local não está acreditado como Hospital Amigo dos Bebés, pelo que oapoio à amamentação pode não ser o mais correcto, estejam alerta!



Enfª Carmen Ferreira














Esperemos que estas dicas sejam úteis para vocês
e
que aproveitem o melhor desta fase!


Em caso de dúvidas, têm sempre a possibilidade de visitar o facebook ou o blog para lerem sobre outros cuidados com vocês e com o vosso bebé!