As sugestões que vos trago acabam por reflectir aquele que é o meu desejo: descansar, evitando ao máximo programas demasiado agitados. O dia de ontem deu para tudo menos para descansar e, mais logo, já vão perceber o porquê. Com efeito, enquanto fazia a minha pesquisa para este fim-de-semana, deparei-me com o programa ideal: livros e comida, tudo junto. Daí a procura de livrarias em Lisboa que reunissem ambas as coisas e que fossem sinónimo de algo interessante para fazer em família.

As livrarias, por mais modernizadas que estejam e por mais que juntem outro tipo de conceitos, na minha opinião, continuam a ter a capacidade para nos incutir alguma paz e tranquilidade. Regra geral, quem entra numa livraria, a não ser que vá com ideias fixas, vai com tempo e paciência para se perder um pouco à volta dos livros. O tempo acaba por passar sem darmos conta. Um livro puxa outro e mais outro e outro, e o nosso corpo vai cedendo, abrandando o ritmo e a própria pressa que já nos parece ináta. Para as crianças acaba por ser também um óptimo programa, não apenas pelos mesmos motivos que escrevi atrás, mas também como forma de fomentar o gosto pelos livros e pela leitura.

Sendo assim, são três as sugestões que vos deixo para este fim-de-semana:

1.Livraria Ler Devagar

Rua Rodrigues Faria, 103, 1300 Lisboa (no conhecido Lx Factory)

Esta é uma das livrarias mais icónicas da cidade, conhecida, entre outras coisas, pela bicicleta que tem pendurada no tecto. Tem dois andares, dezenas de livros e várias opções gastronómicas. Tanto podem comer uma fatia de bolo, como beber um copo de vinho.

Na minha opinião, este lugar é de visita obrigatória 🙂

2.Livraria Bar Menina e Moça

Rua Nova do Carvalho, 40-42, 1200-292 Lisboa

Esta é talvez a sugestão mais alternativa, já que se situa no centro da vida boémia da capital, o Cais do Sodré. E é também a mais recente.

Aqui, cultura e lazer estão de mãos dadas. O prato principal são os livros e os acompanhamentos são vários, incluindo um belo brunch aos sábados.

As paredes estão cobertas de livros e o tecto de bonitas ilustrações da autoria de João Fazenda.

3.Café Bertrand na Livraria Betrand Chiado

Rua Garret, 73, 1200-309 Lisboa

A livraria Bretrando do Chiado é considerada a mais antiga do mundo e só por isso, já era motivo de paragem obrigatória de quem visita a Baixa-Chiado. E agora, para celebrar os seus (modestos) 285 anos de existência abriu um café no seu interior. Parece-me a mim, mais um excelente pretexto para demorar um pouco mais a nossa visita, não concordam? 🙂

Enquanto isso, como as temperaturas para o fim-de-semana se vão manter altas, não há como não continuar a aproveitar os dias como se ainda fosse verão 🙂

Boa tarde.

Comentários

comentários