Propocione experiências diferentes aos seus filhos nestas férias

Li, ontem, esta “dica” no perfil de Instagram da Oficina de Psicologia. Ficou-me imediatamente na mente e tornou-se o mote para estas férias.  Hoje foi o primeiro dia de férias do Vicente, o pai ainda está a trabalhar e eu também tenho coisas pendentes que quero terminar. Mas, aproveitando a ajuda e a companhia da avó, decidi que esta semana ia levá-los a fazer algo de diferente. Decidi que iríamos sair da nossa zona de conforto, procurando locais diferentes para ir ou, então, onde já não vamos a algum tempo.

Hoje a ideia era levá-los à Quinta Pedagógica dos Olivais e, já íamos a caminho, quando me lembrei que era segunda-feira. O dia em que encerram. Voltamos para trás e fomos até ao Parque do Alvito, em Monsanto, não nos é desconhecido, mas a última vez que lá estivemos, estava eu grávida da Laura.

Tem sempre imensa gente, é um facto e é precisamente esse o motivo pelo qual não vamos lá muitas vezes. No entanto, há que reconhecer que é dos mais completos, o chão é o ideal (porque é macio), pareceu-me ter sido melhorado comparativamente com a última vez que lá estivemos, tem todo o tipo de diversões e, sobretudo, permitem que as crianças estejam à vontade sem precisar de ajuda dos pais para nada.

O Vicente e a Laura estavam extasiados com tanto escorrega, tanto sobe e desce, tantas rampas… Com tudo! Só é preicso controlar, porque com dois e uma que não tem medo de nada, toda a atenção é pouca. Posto isto, considero que a missão para o primeiro dia ficou cumprida.

Para o dia de amanhã arranjamos um novo plano, mas, já agora, se possível com um dia um pouco mais bonito! Não defino nada a priori e deixo ser o Vicente a escolher, dando-lhe duas ou três opções.

De facto, com a Laura uma pessoa até se esquece que ela só tem dezasseis meses. Ela anda completamente à vontade, explora, é viva e divertida. Tem energia para dar e vender.

 

Boa noite 🙂

Comentários

comentários