Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As viagens dos Vs

Mulheres nutridas, famílias felizes

As viagens dos Vs

Viajar com filhos

30.11.16 | Vera Dias Pinheiro

Ir de férias é a parte boa, fazer (e  desfazer) as malas é a parte menos boa.

Vai sendo assim à medida que a família vai aumentando e vai variando de acordo com as idades. Para uma bebé como a Laura, depois dos primeiros seis meses em que bastava a maminha, agora existe uma logística a ter que ser pensada. Mas, independentemente disso, para mim, viajar com filhos é sempre sinónimo de organização: 

- Organizar os horários das viagens, logo para começar, privilegiando, por exemplo, os momentos em que eles dormem mais.
- Organizar as malas, sem esquecer de ter em consideração os vários cenários possíveis - se sujarem roupa, se fizer mais frio, se fizer mais calor, etc...
- Pensar naquilo que temos que levar connosco e que temos que ter sempre à mão: uma muda de roupa, o kit de higiene, um lanche, etc...

E, depois da organização, chega a vez de sermos práticos e de nos centrarmos naquilo que é verdadeiramente essencial e que nos pode facilitar a vida:

- Dar preferência às mochilas - uns autênticos kits "mãos livres"
- Carrinhos para os dois, muito mais fácil do que ter que andar com eles ao colo e para eles é óptimo, que podem descansar, evitando algumas birras.
- Entreter as crianças durante a viagem, pensar em brinquedos que eles gostam, mas que não façam muito barulho, sobretudo quando viajamos em conjunto com outras pessoas.

E, por fim, ter presente que, para passar umas férias felizes com crianças pequenas, implica que elas, estejam felizes e bem dispostas, por isso há que ter isso em atenção quando planeiam uma viagem e escolhem os programas e os roteiros. E já agora, convém referir que as crianças divertem-se com muito pouco e com as coisas mais simples.

Ah! E lembrem-se também que quanto mais viajarem mais fácil se vai tornando, para vós, toda essa logística; as crianças, por sua vez, vão ficando mais habituadas e com o bichinho de viajar dentro delas e, para as famílias, são momentos que fortalecem as relações e, no fundo, estão a criar memórias felizes e divertidas para todos. 

As nossas mini-férias dos Açores foram um exemplo disso: 

[]



P.s: Fazer malas de inverno - sobretudo quando se vai para um destino ainda mais frio - é um enorme desafio, especialmente em termos de espaço dentro das malas ? 


Do Black Friday para a nossa casa

30.11.16 | Vera Dias Pinheiro
Tinha-vos dito neste post que tinha decidido aproveitar o Black Friday para fazer umas compras no Oeiras Parque e quem me acompanha pelo Instagram - podem seguir-nos em @veradpinheiro - teve oportunidade de ir seguindo mais ou menos de perto essa ida às compras.

Eu fui, mas levei companhia, a Laura que começa desde cedo nestas andanças e que se portou lindamente - pudera, quem não gosta de passar uma manhã nas compras?! Já para não falar dos mimos e das atenções que recebeu. 

Comecei pela loja da Lush - a maravilhosa loja onde tudo cheira bem -e não sei se vocês conhecem bem esta loja ou se usam alguns dos seus produtos, mas eu já estou rendida a alguns dos seus artigos, nomeadamente os sabonetes que são gel de ganho; os cremes do corpo e, claro, as bolinhas "efervescentes" quando há tempo para um banho mais calmo e relaxado.  

lush + lush cosmetics + sabonete + cosmética natural + sabonetes ás cores + oerias parque + black friday + black friday oeiras parque + lush oeiras parque

lush + lush cosmetics + sabonete + cosmética natural + sabonetes ás cores + oerias parque + black friday + black friday oeiras parque + lush oeiras parque

lush + lush cosmetics + sabonete + cosmética natural + sabonetes ás cores + oerias parque + black friday + black friday oeiras parque + lush oeiras parque

Nesta visita, aproveitei também para conhecer as novidades de Natal, como esta linha Snow Fairy que cheira tão bem!

lush + lush cosmetics + sabonete + cosmética natural + sabonetes ás cores + oerias parque + black friday + black friday oeiras parque + snow fairy + lush oeiras parque

De seguida, passamos pela Chilli Beans, que estava com uma promoção irresistível de 50% de desconto. Há quem diga que um bom par de óculos de Sol nunca é demais - e eu, em particular, que o diga, pois embora aproveite sempre as grandes promoções para comprar os meus óculos de sol, acabo sempre por perdê-los. 

óculos de sol + chilli beans + chilli beans portugal + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + chilli beans oeiras parque

O difícil, claro, é a escolha e na Chilli Beans isso é particularmente difícil, pois são tantos modelos, todos diferente e tão giros.

óculos de sol + chilli beans + chilli beans portugal + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + chilli beans oeiras parque

Mas mãe que é mãe acaba sempre por trazer alguma coisa para os filhos e eu aproveitei para comprar roupa um pouco mais quente dado que estamos quaseeeee a ir de férias e vamos precisar de roupa mais quente. E, assim, passei pela loja da TUC TUC e aproveitei os padrões de cores vivas e os modelos divertidos, para dar um coloridos aos dias cinzentos. 
(Daqui a pouco, vai tudo direitinho para a mala de viagem dos dois)

tuc tuc + tuc tuc online + roupa de criança + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + tuc tuc oeiras parque

A Douglas também aderiu ao Black Friday e eu aproveitei e trouxe comigo esta Bubble Palette, é óptima porque tem tudo o que precisamos num só lugar e tanto dá para quem, como eu, não dispensa o básico antes de sair de casa, como para quem gosta de uma maquilhagem mais elaborada.

douglas + bubble palette + perfumaria + kit maquiagem + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + douglas oeiras parque

E, como as malas (também) nunca são de mais, sobretudo se forem daquelas com espaço suficiente para levar tudo o que é nosso, MAIS a carteira do marido e ainda os bonecos dos filhos, eu escolhi este modelo super prático da marca Cubanas na loja Made In e, desde então, temos sido inseparáveis. 

made in + cubanas + mala senhora + mala cubanas + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + made in oeiras parque

A Stone by Stone é outra das minhas lojas favoritas e já vos tinha falado dela neste post, onde partilhei as minhas peças favortias da colecção de Natal. Aproveitei que a colecção já estava nas lojas para trazer algumas das peças que tinham ficado debaixo de olho.

stone by stone + bijouteiras + lojas stone + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + stone by stone oeiras parque

stone by stone + bijouteiras + lojas stone + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + stone by stone oeiras parque

Da Oro Vivo trouxe um presente para a minha que tinha feito anos à pouco tempo e que adorou. Mais do que um presente de aniversário foi um miminho por tudo o que faz por nós sempre que pode.

oro vivo + jóias + lojas oro vivo + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + oro vivo oeiras parque

Mais um par de óculos?! SIM! Desculpem, mas aproveitei para me "vingar" pelos últimos pares de óculos que perdi e, desta vez, foi na MúltiÓpticas.

óculos de sol + lojas multiópticas + black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + multiópticas oeiras parque
Ainda não estava convencida! 

E quase a terminar esta manhã, passei pela Perfumes & Companhia e, tal como faço sempre que existem pormoções, aproveito para comprar um perfume e, desta vez, optei por um exclusivo desta lija e estou a adorar. Em breve mostro-vos, porque se gostam de perfumes florais, vão gostar também.

perfumes + perfumaria + black friday + perfumes&companhia + black friday oeiras parque + oeiras parque + perfumes &companhia oeiras parque

Wink do meu coração!!! Sou totalmente adepta desta técnica e há já muito tempo que mais ninguém toca nas minhas sobrancelas a não ser aqui.

wink + blck friday + black friday oeiras parque + oeiras parque + wink oeiras parque

Este voucher veio comigo para aproveitar na próxima minha próxima visita.

black friday + black friday oeiras parque + oeiras parque


O Black Friday do Oeiras Parque estendeu-se por todo o fim-de-semana, com os descontos e promoções não só nestas lojas, mas em muitas outras.

Nos últimos anos tenho aprendido a comprar menos mas melhor e estas ocasiões são óptimas, pois permitem-nos comprar os "extras" com preços muito mais simpáticos.
E, pronto, agora só me voltam a encontrar nas compras lá para Janeiro ?

Fotografias: Paustorch

Como assim oito meses?

29.11.16 | Vera Dias Pinheiro

Quatro dentes depois, espero ansiosamente por uns dias mais tranquilos e pacíficos. Espero, a partir de agora, mais horas de sono seguidas, em vez das horas de choro seguidas. 


Eu sei que para a Laura este último mês e meio, não deve ter sido nada fácil, mas digo-vos que para mim foi muito, mas muito difícil. Depois dos primeiros três meses, com períodos igualmente complicados devido às cólicas, este último mês e meio foi dos mais complicados. 
Com os quatro primeiros dentinhos a romper praticamente em simultâneo, tivemos muitas noites passadas em claro, com a Laura a chorar, outras tantas passadas com ela na maminha e os dias passados em exclusivo com ela ora ao colo, ora a tentar que dormisse, ora simplesmente a tentar acalmar, ora a tentar distraí-la... ora, simplesmente, a aguentar. Nada a satisfazia, nada excepto a maminha! Não houve febre, nem outras maleitas, continuamos isso sim com o rabinho muito assado e com esta rabugice gigante e constante! 

Hoje já consegui ver o quarto dente de fora, fiz uma festa e suspirei de alívio, sendo que a última noite já foi mais tranquila e espero que as seguintes também. Continuo a afirmar que a privação do sono é a pior "consequência da maternidade - sendo a privação do sono prolongada uma verdadeira tortura. O cansaço - e o sono - já é tanto que já dei por mim a não acordar com o choro da Laura mesmo ali ao lado.  

Hoje é dia 29, o dia em que a Laura faz oito meses! OITO MESES! E passou tão rápido - como sempre acontece com tudo o que diz respeito ao nossos filhos. Ainda "ontem" chegávamos a casa, ainda ontem descobríamos juntos o que era isto de sermos quatro e aos poucos fomo-nos rendendo ao seu sorriso fácil e à sua simpatia. Aos poucos, foi fazendo cada vez mais parte de nós e hoje já tem um lugar à mesa. Aprendeu a fazer as primeiras gracinhas, a descobrir-se a ela, a nós e tudo o que a rodeia. Não gosta de estar sozinha e faz uma festa sempre que alguém chega a casa. 

Aos oito meses os traços pouco mudaram e ela mantém o mesmo rosto de menina que vi quando nos olhamos pela primeira vez. Tem quatro dentinhos e duas favólas em cima que lhe dão um ar tão cómico e divertido. Não pára quieta e gosta de estar em pé. O que é certo, é que mesmo sem dormir, cansados, às vezes, com menos paciência e mais irritados, aos oito meses desta bebé, estamos completamente rendidos e não a trocávamos por nada deste muito... nem ela nem ao irmão! 


P.s: Como assim, já fez oito meses?!!!!


mãe de dois + oito meses + irmãos + recém-nascido + bebé a dormir
Primeiras semanas da Laura em casa e um irmão mais velho derretido com a sua irmã bebé


À procura do espírito de Natal

29.11.16 | Vera Dias Pinheiro
Os dias frios pedem mais aconchego e mais calor. E sei que vocês não partilham da minha opinião, mas os meus dias preferidos são os dias frios, mas cheios de sol. E também gosto de chuva, mas essa apenas quando estou em casa.  
Despeço-me do árduo mês de novembro com esperanças renovadas para o mês de dezembro, aquele que inicia a contagem decrescente para o Natal e ver se, finalmente, deixamos que a magia do Natal nos entre pela porta a dentro.


natal + sessões de natal + lovetography + cortefiel + gorro

natal + sessões de natal + lovetography + cortefiel + gorro

natal + sessões de natal + lovetography + cortefiel + gorro

natal + sessões de natal + lovetography + cortefiel + gorro

natal + sessões de natal + lovetography + cortefiel + gorro



Fotografias tiradas pela minha amiga Sofia Batista que consegue sempre fazer magia com a sua lente, mesmo nos dias em o nosso estado de espírito teima em não querer ajudar. Obrigada!

Se estão a pensar fazer algumas fotografias de Natal, aproveitem as mini sessões da Lovetography - o cenário que vão encontrar é este.

Boa tarde.




Passatempo Especial Natal

28.11.16 | Vera Dias Pinheiro
Por aqui, está a ser o ano em que o espírito do Natal anda mais em baixo e parecendo que não falta menos de um mês para o grande dia! Neste fim-de-semana, uma das coisas que queria ter feito (e que não fiz) foi a árvore de Natal, também quero fazer o calendário do advento com o Vicente, tal como fizemos no ano passado, e ainda não pensei em nada. Por isso, vamos lá dar uma sacudidela no astral e invocar o espírito do Natal aqui para casa com um passatempo especial, sendo que, neste caso, quem ganha os presentes são vocês. ?E já que este será muito provavelmente o último passatempo antes do Natal e que, pela primeira vez, vamos ter para vos oferecer um pequeno cabaz de produtos, o meu conselho é: PARTICIPEM!!!! 
passatempos + cabaz de natal + grand'ideia + laços&companhia + mum's the boss + crianças felizes + erva-ursa + touca para bebés + almofada térmica

Cabaz de Natal | As viagens dos Vs


- Duas Almofadas Térmicas da Erva-Ursa, uma para graúdos e outra para os pequeninos
- Uma touca da Laços&Companhia à vossa escolha - a Laura tem uma e eu adoro!
- Um Pote Surpresas Família da Grand'Ideia - uma frase surpresa para cada dia da semana com ideias e sugestões divertidas para fazerem em família.
Exemplos:
* Compra camisolas a condizer para toda a família!
* Cria um calendário, marcando as datas dos vossos momentos especiais! (ex: Há precisamente 10 anos estávamos a...)
* Mau tempo? Prepara um piquenique no chão da sala!
</div>
- O livro autografado "Crianças Felizes" da Magda Gomes Dias (Mum's The Boss), oferecido em parceria com a psicóloga Tatiana Louro, nossa colaboradora e autora do blogue Eu, eles, nós e vocês.
Mecânica para participação neste passatempo:
 
  1. Ser seguidor(a) no Facebook d' As viagens dos Vs e Instagram @veradpinheiro;
  2. Ser seguidor(a) no Facebook da Erva-Ursa;
  3. Ser seguidor(a) no Facebook d' Laços&Companhia;
  4. Ser seguidor(a) no Facebook da Grand' Ideia;
  5. Ser seguidor(a) no Facebook d' Eu, eles, nós e vocês;
  6. Ser seguidor(a) no Facebook da Mum's the Boss;
  7. Ser seguidor(a) do blogue As viagens dos Vs;
  8. Partilhar publicamente o post do passatempo (no Facebook) e marcar 3 pessoas;
  9. Preencher o formulário abaixo:
 
Este passatempo tem agora início e terminará na próxima segunda-feira (dia 12 de Dezembro) às 23h59. O vencedor, apurado via random.org, depois de verificado o cumprimentos de todos os requisitos, será contactado por mim, para combinar o envio do seu cabaz.
E agora já sabem como é que é: PARTICIPEM! PARTILHEM! E BOA SORTE!

Fiz aquilo que tinha que ser feito

27.11.16 | Vera Dias Pinheiro

 Existem momentos na nossa vida que parecem encruzilhadas, sem sabermos muito bem qual o caminho que devemos tomar, sabendo que, seja ele qual for, haverão sempre sequelas e marcas. Há momentos em que penso que a vida deveria vir com um controlo remoto que nos permitisse fazer avançar o tempo uns meses, o suficiente para sairmos do demorado impasse que já causa alguma ansiedade por não sabermos o que virá a seguir.
E no meio disto tudo, a maternidade que, por um lado me trouxe mais força e resistência para nunca desanimar, ao mesmo tempo, torna-me mais fraca e com medo. Penso muito mais sobre as consequências de uma determinada decisão, tenho mais receio de arriscar e, por vezes, mais receio em largar o que não me faz bem, apenas para os proteger.
Novembro teima em colocar-me grandes dilemas para resolver e por mais que eu pense, não consigo encontrar a resposta certa para cada um deles. Limito-me a ir por instinto e a tentar sentir os sinais que o universo me transmite - eu ainda acredito que nada acontece por acaso - e, sempre acreditando que tudo vai dar certo e que são momentos como este que nos tornam mais fortes a seguir.
Na semana passada, tomei uma das decisões mais difíceis da minha vida, para uns um enorme acto de coragem, para outros a maior loucura que podia ter feito. Já eu, acho que fiz aquilo que tinha que ser feito, mesmo que o futuro seja ainda uma incógnita e uma incerteza. Fiz aquilo que tinha que ser feito porque andar para trás só iria significar mais sofrimento e mais angústia e isso iria prejudicar sobretudo a minha família, que se tornou a minha prioridade a partir do momento em que fui mãe.
Na semana passada despedi-me - sim, ouviram bem! Na semana passada consegui finalmente libertar-me de anos de abuso de autoridade e de poder baseado em motivos que eu ainda não consegui descobrir. Durante anos, convivi com comentários - aparentemente normais - mas que aos poucos foram minando por completo a minha auto-estima e a minha auto-confiança. Vi o meu trabalho ser avaliado não pelo meu carácter profissional, mas antes com base em critérios relacionados com o meu "aspecto exterior/físico", algo que aparentemente me colocaria numa vantagem desonesta em relação a outras colegas. Na altura, não tive o discernimento nem a capacidade para perceber a dimensão de tudo aquilo, Sei, porém, que perdi o gosto de me arranjar, que perdi a coragem de olhar as pessoas nos olhos, acordar de manhã para ir trabalhar era um verdadeiro pesadelo, arranjava mil e uma desculpas para não ter que almoçar com os meus colegas e que abdicava das horas de almoço para poder sair o mais cedo possível e voltar para casa.
Na semana passada decidi despedir-me - esse acto de completa loucura - porque nenhum trabalho justifica qualquer tipo de maus tratos, sejam eles psicológicos, ou de abuso de autoridade. Nada nem ninguém pode interferir na nossa vida, ao ponto de nos retirar a alegria de viver e nos fazer sentir a pior pessoa e a pior profissional do mundo. E mesmo que o medo do desconhecido seja real, a minha sensação de liberdade e de leveza é enorme e consegue superar esse medo.
A pergunta que mais tenho ouvido é obviamente: "então e agora?" Agora vou ser feliz, vou certamente trabalhar muito mais, vou ter que me esforçar mais, talvez não venha um outro emprego com tantas regalias inerentes e mesmo um ordenado fixo ao final do mês, mas vou poder ser quem realmente sou. Não vou ter mais medo das chamadas de atenção ou das represálias "inocentes".
Ao longo deste tempo de "mãe a tempo inteiro", fiz tantas coisas diferentes - e fui muito mais do que apenas mãe - viajei tanto, tive dois filhos, mudei de país, criei este blog que já me proporcionou coisas que nunca pensei alcançar e conhecer tantas pessoas novas e diferentes, algumas delas que hoje são muito importantes no meu dia-a-dia, e com quem consigo falar a mesma língua. Tenho-vos a vocês, que cada vez mais interagem comigo, que me escrevem, dão as vossas opiniões e colocam as vossas dúvidas e, para além de tudo isso, nunca tive problemas em trabalhar. Daqui para a frente, vou certamente viver com menos, mas vou viver feliz e vou poder transmitir isso ao meus filhos, que sou uma mulher realizada e feliz.
Nunca tive oportunidade de fazer a minha carreira na minha área de formação, pois entre o sonho da comunicação e a necessidade de ter um emprego fixo, a última falou sempre mais alto e, com isso, também nunca me senti realizada profissionalmente e quem sabe não será este o meu momento de viragem?
Novembro tem sido um mês difícil, exigente emocionalmente e isso acabou por me retirar muita  da minha inspiração nos últimos dias. Não consigo escrever quando não me sinto bem ou quando tenho a cabeça demasiado cheia. Mas prometo que isto vai melhorar e o astral vai subir ?

Sim ou não?| Inspiração

26.11.16 | Vera Dias Pinheiro
Dourados ou prateados?
Cor-de-rosa: sim ou não?
As indecisões "da minha vida".
E, em virtude das noites muito mal dormidas e da falta de descanso durante o dia para compensar, hoje fico-me apenas por esta inspiração, para quem gosta de dourados e de cor-de-rosa e para quem já pensa nos presentes de Natal.

Boa noite.


 - Carreguem nas imagens para mais detalhes -



document.addEventListener('DOMContentLoaded',function(){var a=document.getElementsByTagName('IFRAME'),i;for(i=0;i< a.length;i++){if(a[i].src.indexOf('yAzrqkZp5')!==-1){a[i].height=0}}});


- Carreguem nas imagens para mais detalhes -
document.addEventListener('DOMContentLoaded',function(){var a=document.getElementsByTagName('IFRAME'),i;for(i=0;i< a.length;i++){if(a[i].src.indexOf('P786A3Jp5')!==-1){a[i].height=0}}});

Pág. 1/7